Iconatomy: colagens de fotos que misturam artistas de ontem e de hoje

Já que estamos no clima de cinema, pela temporada de Red Carpets, além, é claro, do anúncio dos indicados ao Oscar na manhã de ontem, vamos explorar um pouquinho (mais) esse universo cinematográfico.

A respeito das indicações não tenho nada a dizer, a não ser que me surpreendeu a quantidade de indicações pra The Tree of Life e Extremely Loud and Incredibly Close. Além de War Horse pra melhor filme. E Puss in Boots pra melhor Animação. E a ausência de Tintin.. e bom, vou parar de falar porque eu acabei de dizer que não ia comentar.

Voltemos ao post.

Iconatomy é a mistura das palavras “icon” e “anatomy” (ícone e anatomia) e o trabalho é, em resumo, uma mescla de grandes artistas hollywoodianos de hoje e de antigamente.

Elizabeth Taylor + Angelina Jolie

O responsável por isso é o sueco George Chamoun, um designer de artes – o que você vai poder perceber pelo trabalho dele, que deveria envolver qualquer tipo de ícones (pessoas que influenciaram o mundo de uma maneira ou de outra).

O objetivo do estudante não era fazer comparações, mas estabelecer relações entre a Hollywood antiga e a Hollywood atual. Não sei se é o preto e branco na fotografia ou se o glamour dos astros do passado, mas quando eu olho pra essas fotos tenho a impressão de que o cinema de antigamente foi mais privilegiado.

Além de Elizabeth Taylor (aquela mesma, dos olhos violeta) e Angelina Jolie (aquela mesmo, mais poderosa do mundo), George combinou sex symbols das duas gerações, como Marilyn Monroe e Scarlett Johansson.

Uniu galãs clássicos, como George Clooney e Cary Grant e rebeldes, como James Dean e… Robert Pattinson. Por fim, o sueco mesclou as delicadas Natalie Portman e Audrey Hepburn.

(pra ver as fotos em tamanho grande, basta clicar em “permalink”)

O que eu achei realmente interessante foi como Chamoun conseguiu o encaixe perfeito entre as celebridades, mesmo que olhando-as em separado (só clicar no nome delas!), elas nem mesmo se parecem tanto.

Exceção pra Clooney e Grant que parecem ter o mesmo biótipo. Muito legal mesmo… já falamos aqui daquelas montagens onde o rosto de famosos são unidos, alguns tão semelhantes que você não sabe dizer que metade é de quem, mas o trabalho de George é algo mais artístico e elegante.

E, bom, não dá pra competir com o velho charme de Hollywood.

Anúncios

2 comentários sobre “Iconatomy: colagens de fotos que misturam artistas de ontem e de hoje

  1. Meu, muito legal isso, né? Muito legal mesmo! Só que eu acho que preferia se ele tivesse deixado tudo da mesma cor… auhauhaua me deu um tilt de olhar uhauaha

    1. Ah, então… eu gostei da diferença de cores porque marca mais a diferença de eras hahaha. Mas talvez fosse mesmo interessante só preto e branco!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s