Embrace Life

Essa campanha foi um sucesso no youtube logo que foi lançado, no início do ano passado. Não é difícil entender o porquê. Eles conseguiram deixar incrivelmente humano um apelo que, mais dia, menos dia, continua tão difícil de alcançar sucesso.

Usar cinto de segurança. É lei, todo mundo sabe, nem todo mundo usa. E as mais variadas abordagens para convencer as pessoas de passarem a usá-lo já foram feitas. Ainda assim, nenhuma havia me tocado tanto quanto essa.

Simbólica, tocante, direta. Pra mim, perfeita. O slow motion e a trilha completam o conjunto.

O cliente, uma ONG inglesa: a Sussex Safer Roads Partnership. O que eles querem? Safer Roads, Safer Communities, Sharing the Responsability. Estradas mais seguras, Comunidades mais seguras, Compartilhar a responsabilidade. Pelo comercial, eles já conseguiram atingir as pessoas de forma positiva. É um grande começo.

Merece ainda uma breve análise nas peças que abordam o comportamento das pessoas no trânsito para nos mostrar o que costuma ser feito a respeito. Fugir do óbvio, chocar,  chorar, vale tudo pra chamar a atenção do público.

Nas vizinhas da Oceania, Austrália e Nova Zelândia, não é raro o “tratamento de choque”. Veja você mesmo, o estilingue humano. Inusitado, mas mostra bem o que acontece com uma pessoa que viaja sem o cinto no caso de um acidente.

Estilingue humano (Austrália; Clement BBDO)

Já na Nova Zelândia o perrengue da vez foi com a chuva. Por ser uma região com alto índice pluviométrico no outono e no inverno, a área ao sul de Auckland (maior cidade neo-zelandesa) resolveu alertar os motoristas para os perigos da direção sob chuva.

O outdoor do garotinho, normal enquanto o sol está raiando, “sangra” quando chove. Um sensor equipa a peça e solta o líquido vermelho, como se fosse sangue. E, bom… um rosto de criança “ensanguentado” te faz pensar duas vezes enquanto está dirigindo por uma estrada molhada né? Principalmente se estiver com seus filhos no carro.

A Chuva muda tudo. Dirija conforme as condições climáticas.

A campanha, veicula na Páscoa, deu resultado. Diminuiu a quantidade de acidentes nessas condições e ainda levou Cannes naquele ano. Isso sim é publicidade bem-sucedida.

Já nos EUA, a advertência é para que as pessoas dirijam a uma distância segura. Seguir colado no carro da frente é uma prática comum. O tempo insuficiente para frear causa 1/3 dos acidentes nas estradas norte-americanas (não sei se a informação vale pro resto do mundo, até porque temos muitos outros problemas envolvendo estradas. Principalmente em Minas). Esse alto índice fez com que o departamento de trânsito do Colorado encomendasse a peça à agência Amélie Company. Muito bacana.

 

A boa e velha "enfucinhada" (EUA; Amélie Company)

Tailgating é a expressão americana usada pra dizer que você está dirigindo colado ao veículo da frente, a uma distância que não garante tempo hábil para frear sem acidentes.

A mesma Inglaterra que criou o vídeo sensível, aposta na realidade. Um vídeo de 4 minutos circulou na internet um tempo atrás mostrando o que pode acontecer a partir de uma inocente ligação no celular enquanto se dirige. Clique aqui para ver.

Mas entra no grupo também a tentativa de conscientizar a população sobre os resultados de se dirigir bêbado.

 

Meu russo não anda lá essas coisas, mas boatos que o outdoor diz: “Esse podia ser o seu corpo“. O anúncio foi veiculado na época do Natal, por isso o gorrinho no bebum.

Antes do post terminar é claro que eu não podia deixar nosso Brasilzão de fora, né? Lá no Alagoas, temos uma pitadinha de humor negro pra alertar quem dirige bêbado. All type estiloso.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Bom, é como dizem por aí… no amor, na guerra e na publicidade vale tudo. Da mesma forma que eu acho sensacional a simplicidade genial desse comercial, reconheço a necessidade de chocar e lembrar as pessoas do que pode acontecer em casos de irresponsabilidade. Principalmente no próprio ambiente, no caso, as estradas.

No fim das contas, o importante mesmo é abraçar a vida.

Publicado por: Lê Scalia

 

Anúncios

3 comentários sobre “Embrace Life

  1. Eu gostei de Embrace Life principalmente porque não apela pro choque e pra violência. A do tailgating é bem legal tb, humor. Já as do Brasil.. sei lá… particularmente eu gosto da piada, mas fazer disso um anúncio de PSA… sei lá… hahahaha

    1. HAHAHAHAHA então, as brasileiras são mto duvidosas neh? hahahaha Mas a melhor é Embrace Life. E Tailgating é mto mto mto legal e chama a atenção… mas eu acho q tem retardados que precisam do choque.

  2. Nó. Arrepiei com esse filme… Muito foda.

    Agora essa aí de alagoas… ahhahahahaha gostei do “coisa linda”ahahahahah bem regional! uauhauhahuahuahuahu

    Tomara que funcione!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s