O chupa-chupa da Lambada

Se pensamos em lambada, pensamos “ah, aquele ritmo lá meio do nordeste que nem existe mais”. Pois é, o ritmo que para muitos só tem uma música (Chorando se foi, de Kaoma) não tem muita moral aqui no Brasil. Porém, lá fora (pela menos na América Central), todo mundo acha que lambada no Brasil é como samba, é “POP”, todo mundo escuta, todo mundo dança. Ok, senta lá.

Lambada é sim, como o Calypso com Y, de origem brasuco-paraense. Porém, no entanto, contudo, Chorando se foi meio que não nasceu aqui não. Uma vez falamos aqui sobre a chupada que nos deu o reggaeton através de uma música de Don Omar inspirada em nossa música lambada. O que não falamos foi que dizem as más línguas que Chorando se foi é uma versão não autorizada de Llorando se fue, canção de um grupo boliviano chamado Los Kjarkas.


Depois de Los Kjarkas, Kaoma e Don Omar…

E nessa festa do chupa-chupa, sempre tem gente nova querendo participar. Os novos participantes, Pitbull e Jennifer Lopez, sampleiam com On the floor. Quer ver como?

Publicado por Tiago Pizzolo

Anúncios

2 comentários sobre “O chupa-chupa da Lambada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s