Dia do Amigo

20 de julho – Dia do Amigo

“Precisa-se de um amigo […] Que nos bata nos ombros sorrindo ou chorando, mas que nos chame de amigo, para ter-se a consciência de que ainda se vive.” Vinícius de Morais

Achei que hoje seria um dia propício para um post especial, já que o que fez nascer esse blog foi, justamente, uma amizade. Amizade entre 5 pessoas completamente diferentes e que têm gostos extremamente diversificados – por isso, Biscoitos Sortidos. 5 pessoas que vivem se implicando, que são teimosas, que discutem por tudo e por nada, mas que acima de qualquer outra coisa, 5 pessoas que se amam. 5 amigos.

Acho, então, que nada mais justo e nada mais lógico do que fazer um post dedicado a amizade. E ao dia do amigo. Essa data que, ao meu ver, é comemorada todos os dias por aqueles que têm realmente um amigo de verdade.

Comemorar o dia do amigo é comer uma pizza, é se lembrar daquelas coisas pequenas que significam tanto. É ir àquele lugar que você não suporta, mas que seu amigo a-d-o-r-a. É ajudar a bagunçar a casa. E ajudar a lavar a louça. É criticar tudo aquilo que você acha que está errado, e então dar um abraço pra mostrar que apesar de tudo, você está ali. É passar um longo tempo sem se encontrar e perceber que nada mudou.

É ir ao jogo do seu time de coração e arrastar com você aquele seu amigo que não gosta de futebol. É assistir a um jogo na torcida adversária, em muda cumplicidade. É cantar alto no carro, músicas que todo mundo ama, ou que todo mundo odeia. É arrumar um tempinho, nem que seja pra um scrap, só dizendo que está com saudades. É ter alguém com quem possa discutir a política no Oriente Médio, ou o tempo. Uma receita de bolo ou um caso policial.

É poder comentar tudo que aconteceu no último episódio da sua série favorita, mesmo sabendo que seu amigo não está entendendo nada. Ele não vê. Na verdade, nem gosta. Mas não importa, ele está ali, do seu lado, te ouvindo e, provavelmente, te enchendo. É ter alguém que cuida de você, seja por dor-de-cotovelo, seja por bebedeira. Ter alguém que te apresente sorrindo e dizendo “esse é meu amigo”.

É se olhar e se entender. É lembrar de tudo que já passaram juntos. E não te deixar esquecer daquelas coisas embaraçosas pelas quais você já passou – muitas vezes achando o máximo! É sentir seu coração se aquecer de alegria ao encontrar aquele amigo antigo. É fazer aquele ‘Ultimate Ever Indian Program’ soar divertido. É viajar pra qualquer lugar e fazer com que valha a pena. É convencer alguém da coisa mais absurda do mundo, a fim que ele olhe pra você e concorde (mesmo que ele não concorde). É ter alguém que, às vezes, te conhece mais do que você.

É se preocupar. É dividir tudo. Até as roupas. É ler os mesmos livros, ou ler livros opostos e passar horas discutindo por que um ou outro é melhor… e não chegar a conclusão nenhuma. É sair pra comer um salgado, e, ironicamente, voltar mais leve. É rir só de lembrar aquele “fora”, ou, em alguns casos, aqueles tantos foras. É sentir que temos proteção e atenção. É sentir-se querido. É mara.

É fazer ligações de horas, ou de minutos. É escrever um email, ou entrar na internet só pra saber como anda “aquilo” que seu amigo te disse alguns dias atrás. É ser companheiro, de fila e de farra. De esporro e de escola. Companheiro de vida.

A todos os meus amigos, a todos os amigos espalhados por aí, fica aqui um dos meus poetas favoritos. Feliz Dia do Amigo.    :]

Amigos

Tenho amigos que não sabem o quanto são meus amigos.

Não percebem o amor que lhes devoto e a absolutanecessidade que tenho deles.

A amizade é um sentimento mais nobre do que o amor,eis que permite que o objeto dela se divida em outros afetos,enquanto o amor tem intrínseco o ciúme, que não admite a rivalidade.

E eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos!

Até mesmo aqueles que não percebem o quanto são meus amigos e o quanto minha vida depende de suas existências ….

A alguns deles não procuro, basta-me saber que eles existem.

Esta mera condição me encoraja a seguir em frente pela vida.

Mas, porque não os procuro com assiduidade, não posso lhes dizer o quanto gosto deles.

Eles não iriam acreditar.

Muitos deles estão ouvindo esta crônica e não sabem que estão incluídos na sagrada relação de meus amigos.

Mas é delicioso que eu saiba e sinta que os adoro, embora não declare e não os procure.

E às vezes, quando os procuro, noto que eles não temnoção de como me são necessários, de como são indispensáveis ao meu equilíbrio vital, porque eles fazem parte do mundo que eu, tremulamente,construí e se tornaram alicerces do meu encanto pela vida.

Se um deles morrer, eu ficarei torto para um lado.Se todos eles morrerem, eu desabo!

Por isso é que, sem que eles saibam, eu rezo pela vida deles.

E me envergonho, porque essa minha prece é, em síntese, dirigida ao meu bem estar.

Ela é, talvez, fruto do meu egoísmo.

Por vezes, mergulho em pensamentos sobre alguns deles.

Quando viajo e fico diante de lugares maravilhosos, cai-me alguma lágrima por não estarem junto de mim, compartilhando daquele prazer …

Se alguma coisa me consome e me envelhece é que aroda furiosa da vida não me permite ter sempre ao meu lado, morando comigo, andando comigo, falando comigo, vivendo comigo, todos os meus amigos, e, principalmente os que só desconfiam ou talvez nunca vão saber que são meus amigos!

A gente não faz amigos, reconhece-os.

Vinicíus de Morais

Queria, portanto, dedicar esse post a todos os meus amigos. Não vou nem listar todo mundo, porque são muitas pessoas. E são todas especiais pra mim. Dizem que os amigos são a família que pudemos escolher e eu tenho certeza de que escolhi a minha muito bem.

Publicado por: Lê Scalia

Anúncios

5 comentários sobre “Dia do Amigo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s